Quer começar a andar de bike? Dicas para pedalar

27 dezembro 2016, Comentários Comentários desativados em Quer começar a andar de bike? Dicas para pedalar

Usado como brinquedo para crianças, transporte para alguns e treinamento para outros, pedalar é uma ótima atividade e devemos nos aprofundar nesse tema. Que tal darmos umas pedaladas?

A bicicleta: variações e benefícios

Existem muitas variações de bicicletas: na academia encontramos a bicicletas ergométricas horizontais e verticais e as utilizadas para aulas de spinning, cada uma com um propósito.

Ergométricas são mais confortáveis e com o selim maior maior para que o aluno possa passar mais tempo sentado; as de spinning têm o selim menor e seu formato dá liberdade de pedaladas mais rápidas e em pé, um bom treino indoor para ciclistas de competição.

As bicicletas horizontais possuem encosto e as pernas fazem a pedalada em um posição vertical, razão de possuir o encosto. Ela é perfeita para quem lesão na coluna, por exemplo. Pois deixa a coluna em posição mais confortável e com a ajuda do encosto a compressão na coluna é menor.

Nas bikes de rua encontramos inúmeros tipos desde bicicletas de passeio, as classificadas como speed (que propiciam maior velocidade),  BMX (usadas e pistas de terra) e as mountain bikes (que realiza percursos com obstáculos).

Pedalar é um exercício aeróbio (usa o oxigêdicas para pedalarnio como energia), dessa forma algumas vantagens já ficam evidentes como:

  • melhora cardiorrespiratória
  • diminuição das células de gordura;
  • o aumento de resistência muscular.

Outras benefícios também podem ser listados como menor nível impacto para as articulações, movimento cíclico que realizado corretamente apresenta menor risco de lesão além do grande trabalho de membros inferiores.

Dicas para pedalar melhor

As pedaladas tem um papel efetivo para a musculatura da panturrilha (sóleo e gastrocnêmio), quadríceps (reto femoral, vasto lateral, vasto medial, vasto intermediário) e glúteo máximo na fase de propulsão; os isquiotibiais (bíceps femoral, semitendinoso) e a tíbia na fase de recuperação.

Dependendo do ângulo da bike e da posição do ciclista pode variar a musculatura mais exigida. Não precisa entender de anatomia, mas sim entender que pedalar é excelente exercício para as pernas!

Além, claro, de ser um meio de transporte eficiente e uma atividade muito prazerosa.

Existem muitos cuidados a serem tomados para que o exercício prazeroso não se torne um incomodo ou termine em uma lesão. Algumas dicas para sua pedalada ser mais eficiente:

– Lembre-se do objetivo: ao comprar uma bicicleta se pergunte:  para quê eu quero uma bicicleta? Se for utilizar em fins de semana, uma bicicleta de passeio vai bem. Se for para treinar, talvez uma speed seja mais atrativa. O importante é saber seu objetivo e pesquisar para não frustrar-se e largar a magrela na garagem. (Leia: Comprando sua bicicleta)dicas para pedalar

– Procure lugares especializados: lojas desse tipo entregarão uma bike de acordo com seu objetivo e, o melhor, com suas medidas, trazendo mais conforto e satisfação. Pode sair um pouco mais caro, mas vale a pena o investimento.

– Posição especifica: cada tipo de bicicleta exige uma postura específica. A posição do tronco na BMX não é mesma que na speed, por exemplo. Descubra a sua antes de sair pedalando.

– Cuidados com o joelho: na hora de pedalar lembre-se, joelhos sempre apontados para frente. Na fase de extensão eles não podem extender demais e nem ficar dobrados demais, devem ficar em semi-flexão para proteger a articulação e evitar lesões.

Para sua segurança existe algumas regras que vale lembrar como capacete e sinalização, Ricardo Novo falou mais sobre esse tema em outro artigo. Para não ficar repetitivo indico o link aqui. (Leia: Pedalando com segurança)

Se interessou e quer sair por ai pedalando? Indico alguns sites. Se preferir pode mandar perguntas para o HdT.

Coloque seu capacete, não esqueça da água e…

Bom Treino

Comments are closed.